Já passaram pouco mais de dois anos desde que foram detectados os primeiros casos de COVID-19 e o planeta mergulhou em uma das maiores crises sanitárias da história. Felizmente, há vacinas capazes de fortalecer nossos sistemas imunológicos contra o coronavírus há algum tempo, e elas estão sendo distribuídas à população. Com isso, os números de infectados diminuíram, e pouco a pouco temos retornado a nossas atividades normais. 

No entanto, diversas notícias contraditórias circulam nas redes sociais e aplicativos de mensagens, muitas delas em relação às vacinas contra a COVID-19. Para esclarecer algumas questões, veja abaixo alguns mitos e fatos sobre os imunizantes. 

Mito: Se já fui infectado com o COVID-19, não preciso me imunizar.

Fato: Até o momento, os estudos apontam que receber uma vacina contra o COVID-19 ainda é a melhor alternativa para combater o vírus, independentemente de a pessoa já ter sido infectada ou não. Além disso, as pessoas que foram vacinadas ajudam a reduzir a propagação do vírus, graças ao maior nível de imunidade proporcionado pela vacina.