Ao que tudo indica, mais um ex-casal de famosos irá parar nos tribunais para resolver suas desavenças. Depois de Johnny Depp e Amber Heard protagonizarem uma das batalhas judiciais mais assistidas de todos os tempos, chegou a vez Brad Pitt e Angelina Jolie se encontrarem na corte. Segundo as informações divulgadas pela AFP, o galã de Hollywood deflagrou uma briga judicial contra sua ex-amada porque ela vendeu, sem seu consentimento, 50% da própria participação na vinícola francesa que pertencia ao ex-casal. 

Angelina Jolie e Brad Pitt ficaram juntos por 14 anos, sendo que o Chateau Miraval, vinícola localizada na França, foi onde o então casal oficializou sua união em 2014, mas eles eram donos do local desde 2008. 

Ainda em 2013, em conjunto, os atores lançaram o selo de vinhos orgânicos Miraval, que em sua primeira remessa continha 6 mil garrafas que foram comercializadas em nada mais nada menos que cinco horas. Sendo que um dos produtos mais famosos da vinícola, o champanhe rosé Fleur de Miraval, foi uma das bebidas servidas na edição do Oscar deste ano.